sexta-feira, 23 de setembro de 2005

InterRail 2005, Paros, Atenas (17ºdia)

Apos uma viagem sem historia de 6 horas num ferry (a 25 euros), sobre um calor abrasador - como bons turistas fomos no conves exterior claro - chegamos a Atenas.

O porto de Atenas - Piraios - e' gigantesco. So se via ferrys a entrar e a sair, a descarregar passageiros e mercadoria e outros a embarcar, num ritmo alucinante. Estas maquinas foram as mais me chamaram a atencao. Sao suposto serem os mais rapidos nestes mares.

Bem, estava a chover logo apos termos saido da pousada da juventude. A entrada na Acropolis era 12 euros. Pagar para estar a' chuva sobre relampagos medonhos naquela area no alto e a descoberto, nao e' aventura para mim.

Ficamos pelas ruelas abrigadas a' volta da Acropolis. Aquilo e' outro Bazar ao ar livre. As mesmas bugigangas feitas na China e em Marrocos, tambem estavam la' como em Istanbul, mas inflacionadas em 150% ... no minimo! Mas estes tem mais algumas sobras relacionadas com as Olimpiadas de Atenas 2004 e qualquer coisa relacionada com terem sido campeoes de "qualquer coisa" de futebol. Todas as lojecas tem "merchandising" relacionado ainda a' venda. Mas estranho ... como e' possivel os precos ainda serem os de a' um ano! Tao locos!!! Vou esperar mais 1 ano, pela liquidacao total disto. Bah ... nao resisti, comprei um t-shirt e um bone (15 euros).

Entretanto fomos a um restaurante provar a gastronomia local. Provei uma "moussacra" e uma salada grega. O nosso "Capa Negra" esta' para as francesinhas como este restaurante esta' para a moussacra. Sempre a aviar os clientes e todos a pedir a especiaria regional. Ate' esta moussacra tem o mesmo aspecto que uma francesinha menos arranjada. Quem quiser provar, aviso que e' pesado. Ja' agora, tambem ofereceram a sobremesa regional. Iogurte grego (natural e mais espesso que o habitual) com mel por cima. Muito bom!!! (11 euros)